Personal tools
You are here: Home Blog (português) Coisas realmente ruins

Coisas realmente ruins

Posted by Ricardo Bánffy at Jan 27, 2009 07:05 PM |
Filed under: , ,

Algumas coisas são ruins, mas muito ruins mesmo. E, surpreendentemente, em meio a toda essa ruindade, elas ficam interessantes.

Esse é o caso do Microsoft Songsmith. É uma tecnologia interessante, do ponto de vista técnico. A idéia é deixar a máquina "ouvir" uma trilha vocal e, usando alguns modelos, criar acompanhamentos automáticos para suas próprias músicas.

Observando aquele já clássico "toque de Midas" peculiar à Microsoft e, sem mais, eu apresento a vocês:


e...


Não é sempre que isso acontece. mas eu estou sem palavras dessa vez.

Fim dos tempos

Posted by http://www.piaz.com.br/openid/index.php at Jan 27, 2009 08:56 PM

Meu deus do céu quase tive um ataque aqui. Até o meu filho começou a chorar quando a "música" começou. Como podem fazer isso, que coisa horrível!

Eek!

Posted by http://rickleoirons.myopenid.com/ at Jan 27, 2009 11:35 PM

Isso é degradante. Queria ver a cara do Ozzy quando ouvisse essa deturpação cretina de Crazy Train. No mínimo, ele iria mandar um carinhoso Fuck you assholes and stop to fuck my songs a todos da nossa amada Microsoft.

Como diria minha mãe, é o armageddon.

Affiiiiiii............

Posted by http://doomloads.myopenid.com/ at Jan 28, 2009 08:38 AM

A MS não se cansa de inventar coisas inúteis, para tirar dinheiro de seus usuários...............

Já pro ostracismo digital!

Posted by http://marioamaya.myopenid.com/ at Jan 29, 2009 10:46 AM

Eu achei o contrário dos outros, que Roxanne é um acinte ofensivo e Crazy Train até que ficou fofinho. Mas boa parte do problema advém de terem colocado bases de arranjos metidas a engraçadinhas, e a outra parte de o programa não saber identificar melhor a estrutura de compasso do que está sendo cantado. Esse conceito pode ir parar no ostracismo digital e tornar-se inofensivo, junto com outras tecnologias que pareciam prometer muito, como o OpenDoc, a memória de bolha magnética, o controle por voz para computadores desktop e GUIs baseadas em realidade virtual.

Já pro ostracismo digital!

Posted by Ricardo Bánffy at Jan 29, 2009 11:40 AM
Memória de bolha magnética... É... Estamos ficando velhos.

E eu ainda quero uma Lisp Machine da Symbolics. Pode ser Texas ou Unisys também...